DISRUPÇÃO

POR LEONARDO “SILVERBOLT” DIAS

Continuando a saga de comentar sobre publicações da Weekly Shonen Jump antes de voltar as resenhas semanais, essa perto das últimas duas publicadas aqui englobará uma maior gama de mangás que estou lendo recentemente.

Hoje falo de outra bola fora da curva, e um dos poucos mangás que sobreviveram ao fatídico ano de 2019 na revista. Afinal na última edição do ano corrente, sim para a publicação japonesa o ano acabou na última semana, sete dos outros competidores disputam o bottom do ranking. Aquele que sai um pouco melhor, mas ainda é cedo para comentar é Yozakura, uma mangá que achei que seria sobre Máfia e fala de uma agência especial. Reborn feelings.

Dois parágrafos depois finalmente escrevo o nome do escolhido da vez Chainsaw-man.

Com spoilers

O mangá chegou ao seu capítulo 48 na edição 52 que fecha o ano de 2019. Normalmente completa 1 ano com 50-52 capítulos em média, ou seja, próximo do seu primeiro aniversário feito que pode ser comemorado e muito principalmente esse ano. Seus dois colegas de leva tiveram somente 19 capítulos. Um ainda recebeu um capítulo especial de encerramento, o segundo nem isso.

E sobre o que fala esse mangá com nome bem excêntrico. Ele conta a história de um garoto comum e pobre que tinha como mascote uma espécie de cachorro demônio com o focinho em forma de serra elétrica.

O garoto é atacado por outro demônio e vai morrer e o sua mascote se sacrifica para se fundir com ele e torná-lo uma espécie de meio-demônio. A partir daí ele é recrutado por uma agência de caçadores de demônios que compartilha em seu grupo outros meio-demônios como o protagonista.

A série tem um traço um tanto quando diferenciado, não chega aos rascunhos de Togashi quando não quer perder tempo e jogar um pouco mais de Dragon Quest ou dormir, mas está longe da beleza como o de Neverland ou Dr. Stone. A ação dele é muito boa, e o lema de Game of Thrones serve para a obra, não se apegue a ninguém.

Além disso, a tradução nacional é muito boa e amplia e nacionaliza as piadas que compõe a obra, alguns acham exagerado, pela linguagem do mangá imagino que eles só estão seguindo a rota.

Uma ótima obra para ler em final de semana e ficar atualizado, esses 48 capítulos vão durar pouco e aí já vai começar o burburinho pedindo anime agora que Jujutsu ganhou o seu espaço na TV.

Até a próxima.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s