Oceano de lágrimas

POR LEONARDO “SILVERBOLT” DIAS

Essa sessão está encolhendo a cada mês que passa. Um mangá em pausa por tempo desconhecido, outro encerrado (Glória!), restam dois e não posso dizer que há um confronto sendo travado. Só existem duas chances para Bleach estar no topo, pausa em One Piece ou o Mestre Oda estar num dia muito ruim. Já aconteceu? Sim. Só que ele tem que errar a mão e o Tio Kubo acertar e está complicado ultimamente.

Com spoilers

OCEANO DE LÁGRIMAS

ONE PICE (referente ao capítulo 767): Quando chamo o Oda de Mestre é por capítulos assim. Lembrem-se lá em Sabaody Arquipélago quando Law apareceu pela primeira vez como um dos Super Novas, os 11 piratas mais fortes da Nova Era e possíveis Reis dos Piratas. Parecia mais um personagem entre os milhares que já deram as caras em 767 capítulos, ledo engano.

Rosinante entra para o rol dos melhores personagens já criados pelo Mestre, e o conhecemos sabendo de seu desfecho trágico, só que o passo a passo nos deu pistas falsas, que talvez o irmão mais novo de Dofla tenha se sacrificado pelo irmão.

ONE PIECE 767-01A história é completamente diferente ele repudiou a ovelha negra de sua família, se tornou um Marinheiro de fato e não só um espião e deu a vida por Law. Laços de amizade sem tamanho, não é a toa que o usuário da Ope Ope no Mi criou e desfez vínculos para chegar o momento dessa batalha.

ONE PIECE 767-02Fico na dúvida se quando voltarmos do flashback, Doflamingo terá seu fim agora, Law merece isso e Rosinante seja onde esteja também, só que ele é um vilão completo, cheio de nuances, não é daqueles que vai se arrepender e não imagino o clássico do Oda do vilão vencido assumir sua derrota. Dofla precisa morrer, e junto a ele colocaria Barba Negra e Akainu (o Almirante Vermelho).

O coração de ouro de Luffy vai se sujar de um jeito ou de outro, mesmo querendo o bem e só com o título de piratas nas costas, mãos completamente limpas não libertarão reinos como Dressrosa da corrupção no Governo Mundial e Marinha e alcançará o One Piece.

Há pessoas dizendo que o garoto Dory que serviu de disfarce para Law conseguir fugir de Doflamingo no baú de tesouro e finalmente gritar por tudo que ouviu e viu durante as últimas horas de Rosinante, possa ser X-Drake no futuro. Realmente não consegui pegar a referência, fora o fato de falar que ele era o único com poder de fato (Akuma No Mi).

BLEACH (referente ao capítulo 605): Acho que minha previsão foi para o ralo, sem cara de luta elaborada e com o tempo certo, nada de um capítulo kill ou múltiplas semanas e encheção de linguiça.

Gostando mais das deixas do novo Comandante Kyoraku em sua conversa com Ukitake (o que seria o Kamikaze e aquele símbolo?) e sua visita a Central dos 46. Os velhos que só sabem julgar e mais nada.

Ichibei mostrou que tem um título a zelar, mas só afastar o rei por algum tempo e revelar uma face demoníaca é muito pouco por semanas a fio, sem aquele fator que te anima, quando isso acontece Kubo vai lá e troca o cenário de batalha. Ainda esperando um boom, ou alguma revelação ou reviravolta nesse arco. Está faltando algo do gênero.

BLEACH 605TOC 51 2014

O tempo apertado (como sempre) me impediu de fazer mais sessões de apresentação de mangá ou últimas impressões, hoje com o espaço vago aqui farei um resumo de cada obra baseado no TOC das novas e não tão “novas” assim séries da Shonen Jump.

  1. Takujo no Ageha (Páginas Coloridas, Nova Série, Capa) – Furuya Itsuki

Primeira estreia de 3 antes do encerramento do ano de 2014 da Jump. Fala de Ping Pong, só que no aspecto profissional do esporte. Lembrando que Ping Pong é olímpico e tudo. Antigamente ficava com um pé atrás com qualquer mangá esportivo agora depois de gostar de mangás de Kendo, Vôlei, Basquete, Beisebol e até Sumô (veja abaixo) nem vou comentar nada até ter a oportunidade de ler.

Takujo no Ageha

  1. Assassination Classroom – Yuusei Matsui

A série já tem resenha semanais aqui normalmente na outra sessão de mangá.

  1. One Piece – Eiichiro Oda

Ver acima. AC continua bem contado ficando a frente do sucesso absoluto que é OP.

  1. Shokugeki no Soma (Páginas Coloridas) – Tsukuda Yuuto e Saeki Shun

Essencialmente um mangá de culinária echi. Em resumo é isso, não sei se ver peitos ou mulheres seminuas ou ver alguém cozinhando, quem sabe os dois que atrai o público Japonês porque o mangá continua em alta com quase 100 capítulos publicados.

  1. Haikyuu!! – Furudate Haruichi

A história de Hinata e Kageyama o qual continua acompanhando bem lentamente não me empolga como Kuroko (sim, ainda não cheguei nem perto do meio do mangá que já encerrou sua história). Falta um dinamismo nos capítulos de competição, é muita fala aleatória e isso tira um pouco do foco no jogo e quadros de “ação”.

Haikyuu

  1. Boku no Hero Academia – Kouhei Horikoshi

Sendo muito sincero. Li o primeiro capítulo desse mangá e não fiquei com vontade de ler o segundo de imediato.

Na história onde 99% dos habitantes da Terra descobrem ter super poderes, e como já é clássico nesse âmbito, alguns resolvem defender os que não tem habilidades ou são mais fracos e outros vão para o lado do crime.

O protagonista nessas primeiras 50 e poucas páginas faltou carisma, um pouco de ritmo no geral, gostei de The Might, o grande herói do mundo, na verdade um cara doente que só pode usar seus poderes por um curto período de tempo.

O boom chamou minha atenção e irei tentar acompanhar mais de Boku.

  1. Hinomaru Zumou (Páginas Coloridas) – Kawada

Estranha a sensação de ler algo sobre Sumô e gostar tanto. Foi exatamente isso que aconteceu com Hinomaru. Eu recomendo.

Hinomaru Zumou

  1. PSI Kusuo Saiki – Asou Shuichi

PSI flutua muito entre capítulos de humor internacional que funcionam muito bem e outros de humor japonês que não desce pela garganta.

  1. Toriko – Mitsutoshi Shimabukuro

 Outro mangá já comentado na segunda sessão de mangá.

  1. Gintama – Hideaki Sorachi

Li que Gintama anda num arco sério, no geral é uma grande comédia do Período após a queda dos Samurais no Japão, mesmo período de Ruroni Kenshin só que com aliens. Isso mesmo que leu?

  1. World Trigger – Yuto Kubota

Não sei que é muita coisa que acompanho, mas acho que World Trigger não está tão bom quanto era nos seus primeiros capítulos, espero que se recupere ou encerre com tempo hábil. Hoje o mangá já tem tantos escudos o protegendo de um cancelamento certo.

  1. Isobe Isobee Monogatari (Páginas Coloridas) – Nakama Ryou

Reduzido a um capítulo semanal, ao invés de dois, é impulsionado pela revista, como seu GAG chave, por mais que PSI seja mais antigo.

  1. Nisekoi – Komi Naoshi

O anime não influenciou a popularidade da série como fez com Toriko, o engraçado é que estou bem no início da obra e cada semana parece que o grande plot será resolvido. Como ele continua, eu mesmo não sei? Mantém a história original ou se desdobrou.

  1. Bleach – Tite Kubo

Comentários acima.

  1. Moto Youkai Pochimaru (One-Shot e Páginas Coloridas)

Como é um One-Shot padece de informações.

  1. Juudouzu – Kondou Shinsuke

Mistura de GAG e Judô. Nunca achei nada para ler em português não posso comentar.

  1. Kochikame – Osamu Akimoto

O Matusalém da Jump com mais de 1800 capítulos, um mangá de comédia protagonizado por um policial estilo anos 80. Deve ser quando começou a ser publicado.

  1. Hi-Fi Cluster – Ippei Goto

Mangá de investigação sobrenatural com envolvimento da Máfia. Deu vontade de ler, lembrando-se de Katekyo e o quão bom era.

Hi-Fi Cluster

  1. Sporting Salt – Yuuto Kubota

Um mangá sobre um medico de esportes que parece ter o dom de tirar o melhor do atleta de final de semana, só que o jeito que faz isso tem um que de sobrenatural, como se ele fosse um anjo. Só li o número 1 e então não sei como a série continua.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s