Jogaram a chave fora

POR LEONARDO “SILVERBOLT” DIAS

Perguntei tanto do Castiel e eis que ele aparece. Problemas a parte que só vou comentar depois do Leia Mais. O episódio não foi tão bom quanto o 9×11, teve um vibe meio filler, por mais que as tramas abordadas fossem da temporada em si.

Com spoilers

CHAVE HOMENS DE LETRAS

Castiel reapareceu e ficou subentendido que ele buscava as facções de anjos em combate durante seu desaparecimento, descobrindo uma terceira facção chamada Resistência que tinha sido extinta pelos servos de Bartolomeu. O anjo ainda com o mesmo artista e após dominar o império televiso de Buddy Boyle acaba capturando Castiel.

Castiel e Bartolomeu

Num chove não molha danado, temos conversas que pareciam quebrar todo o conceito de Castiel mais humanizado após perder sua graça, entendendo o sofrimento alheio como contou a Sam quando removia os resquícios da graça de Gadreel, falando nele e Metraton, os dois andam meio sumidos, só apareceu em foto até agora no rastreamento de Bartolomeu.

Felizmente Castiel não se vende a Bartolomeu, não mata o último membro da resistência e mesmo não querendo um banho de sangue entre os anjos, acaba apunhalando Bartolomeu em autodefesa e se torna um novo líder dos anjos na jornada para abrir os Portões do Céu.

Sobre esse detalhe ficamos sabendo que não só os anjos foram expulso do Paraíso, mas que as almas destinadas ao Céu não podem seguir seu destino, ficando presas no chamado Véu.

Na segunda trama de Captives, um fantasma começa a assombrar o bunker, o lugar mais seguro da Terra segundos os Homens de Letras, lembrando que tivemos a Bruxa do Oeste presa em feitiço, com uma singela explicação, só que o fantasma era de alguém recente: Kevin.

KEVIN TRAN GHOST

O profeta dá as caras na série para um despedida digna, nos revelando sobre o problema do Véu, limpando a barra dos Winchester remoendo de culpa por sua morte, Dean muito mais que Sam, que de fato foi seu algoz controlado como marionete por Gadreel.

Kevin volta para pedir que eles busquem a verdade sobre sua mãe, a Sra. Tran depois de uma pista de um fantasma de nome Candy é descoberta num depósito onde Crowley guardava peças importantes para o controle de seus inimigos: políticos como Candy e a sr. Tran no caso de Kevin.

Sra. Tran

Numa história fraca, com demônios de meia tigela de guarda-costas, a Sra. Tran volta de fato vivo como Crowley havia dito, um demônio mentiroso pode falar verdades as vezes e leva o espírito do filho para casa, até que seja resolvido a questão dos Portões.

Já que Kevin ainda “vive” ele pode de alguma forma ajudar na pesquisa sobre o fato e voltar a aparecer, bola fora para Metraton que desligou o interruptor do céu para novos profetas e esqueceu que as almas escolhidas ficariam presas aqui.

Muito se criticou dos Winchesters deixarem Kevin ir para casa na possibilidade de se tornar um espírito vingativo, mas destruir o anel do pai que o ligava a esse mundo daria qual destino a ele? Afinal para onde vão os anjos expulsos e os espíritos destruídos? Perguntas sem resposta.

Mesmo com o puxão de orelha do profeta, Sam não dá o braço a torcer e a birra dos irmãos ainda permanece. Só queria que eles e Castiel voltassem a trabalhar juntos.

Continua em breve.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s