Winchesters vs. Fé

POR LEONARDO “SILVERBOLT” DIAS

Outra matéria exclusiva só de Supernatural num episódio de altíssimo nível, misturando a nova mitologia, monstro da semana, sumiço de Cass e até a condição de Sam. E antes de uma pausa de 3 semanas. Supernatural agora só retorna em 20 de março.

Com spoilers

Zumbi

Supernatural – 8×16 – Já elogiei esse episódio que fora a quebra do 8×15 teve uma sequência imbatível após sua última pausa, espero o mesmo do retorno no 8×17 até o 8×23 que encerrará essa temporada. Já que a nona está garantida e com Cass, não canso de digitar isso.

Começamos com um homem atropelado e abandonado, um policial o encontrando no dia seguinte com um corvo devorando suas tripas, o mesmo congelado e de uma hora para outra regenerando e sumindo dali, encontrado mais tarde estraçalhado por um urso. Enquanto isso, Sam além dos sangramentos nasais parece que tem misturado a saliva e continua mantendo sua condição em segredo de Dean. Só que os Winchesters estão tão acostumados com as mentiras uns dos outros, que no final do capítulo durante a oração de Dean pedindo ajuda a Castiel vemos claramente que ele sabe que o irmão sofre.

O policial que encontra o corpo e descobre que mais tarde ele “reviveu” e morreu acredita se tratar de um caso de zumbi que ganha as manchetes e se torna o caso da semana dos Winchesters para passar o tempo, já que nada de Kevin ou de Cass. Numa primeira investigação nada de zumbis até que o corpo se cura de novo e sai andando pelo necrotério, preso pelos dois o homem se denomina Shane – seria uma homenagem ao personagem de Walking Dead?

Shane conta que desde que foi encontrado numa montanha na Europa sofre da estranha condição/maldição de morrer todos os dias e reviver, os Winchester realizam os testes padrões e não encontram o mistério nisso achando estar ligado a algum tipo de bruxaria. Quando uma mulher surge do nada e ataca Shane com uma adaga, o mesmo também mostra habilidades de combate dignas de Neo em Matrix. A mulher é rendida e foge, teleportando.

Gif Artemis vs Prometeus

 

Ainda perdidos Dean atende a campainha no dia seguinte após um infarto de Shane e se depara com outra mulher e seu filho, e também do morto que ressuscitará, contando que ele a ajudou a não morrer nas montanhas na Europa, que transaram e depois de nove meses teve um bebê, procurando pelo “imortal” e nada. Até que viu a matéria do zumbi, um estopim e tanto nesse episódio se considerarmos que ninguém se lembra de Dean e Sam como assassinos Leviatãs da temporada passada. Não sou eu que vou ficar apontando erro no roteiro.

Falando em roteiro ele conseguiu com exceção do título do episódio não dar pistas do que era Shane até o momento chave que Sam solta – “ele é Prometeus, o homem que foi amaldiçoado por Zeus a morrer pela eternidade”.  Num universo que tivemos Plutão e o Mjolnir ainda nessa temporada leiloando relíquias divinas, incluindo a Tábua dos Demônios é super comum.

????????????

Somos apresentados então aos Titãs e Deuses do Olimpo. Dean e Sam encontram um ritual para prender e matar Zeus nos materiais dos Homens de Letras e finalmente o tal conhecimento infinito do lugar começa a dar as caras, e ao saber que seu filho sofre da mesma maldição, Prometeus resolve arriscar. Ingredientes recolhidos, Zeus é invocado, preso, mas não dá o braço a torcer, enganando a mãe do filho de Prometeus que desfaz o círculo de contenção.

Ártemis, a mulher que atacou Prometeus surge e os irmãos Winchesters são rendidos, só que Sam mostra uma lábia incrível e um poder de dedução e consegue descobrir o interesse de Ártemis por Prometeus, por isso que ela ficou anos sem encontrá-lo, até que a matéria, botou tudo a perder. Numa virada Prometeus e Zeus morrem pelas mãos da caçadora, o garoto perde a maldição e a vida segue para os Winchesters.

Artemis 

História amarrada e muito bem conduzida. Além da excelente atuação de John Novak como Zeus.  E nem vem dizer que eles mataram deuses esquecidos, por que em outro capítulo já houve um massacre coletivo de deuses abandonados, afinal o mundo agora só tem um “Deus” ou nem isso no universo de Supernatural.

Até o retorno da série

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s