Coisas que não se deve fazer no trabalho – Parte 1 – Não terceirizar…

POR FELIPE VALADÃO

terceirizar voce faz isso certo

 

Um americano teve uma ideia genial. Terceirizar seu trabalho de programador para que um chinês o fizesse por apenas 20% do seu salario anual. E enquanto isso ele ficaria lendo notícias e vendo vídeos de gatos na internet.

Com um salario anual de US$ 250 mil/ano, Bob o programador, pagava a bagatela de US$ 50 mil/ ano para que seu colega chinês (morador de Shenyang – relevante?) fizesse seu trabalho. O plano era tecnicamente perfeito, até o dia que a empresa abriu uma auditoria para averiguar aquilo que seria uma contínua invasão de um “hacker made in china”. A Verizon, empresa contratada para a auditoria, por intermédio de seu investigador-sênior Andrew Valentine, constatou que enquanto estava sentado em sua digníssima mesa, o sistema o mostrava “Bob” conectado na China. O programador descrito por Valentine, como “inofensivo e calado”, era ainda segundo ele um talentoso programador em várias linguagens de programação.

Se terceirizar é algo usual hoje em dia, principalmente no mercado americano, Bob apenas partiu da mesma premissa…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s