Salada de Personagens

POR LEONARDO “SILVERBOLT” DIAS

Fairy Tail nessas duas semanas não tem concorrente quem sabe quando o evento armado de Toriko explodir, só não sei quando vai ser com tantos personagens novos que surgiram nesse último capítulo do mangá culinário.

Silver Spoon parece voltar à forma, só que não tem como concorrer na sessão com a dobradinha de todas as semanas. ST&RS teve seus capítulos pausados por falta de RAW originais.

Com spoilers

 

FT (referente aos capítulos 307 e 308): O primeiro a comentar é… ninguém morre em Fairy Tail? Lisana voltou os membros principais da Fairy Tail também e agora Lector foi salvo por uma magia de Minerva que lembra o Horologium usado por Lucy para salvar Wendy do Mestre Hades.  Ah sim falando em Lucy, seus pais morreram até que se prove o contrário.

O foco foi mais dividido nesse capítulo de um lado ficamos sabendo que a princesa Hasui parece ter feito algo contra sua vontade, e o grupo preso no calabouço encontra outros cinco personagens entre os infinitos que já surgiram no arco dos Jogos Mágicos. A Legião dos Lobos, os executores de Fiores que vão punir os prisioneiros. Será mesmo?

Voltamos à cena da luta de Sting contra Gemma, ele venceu o mestre e seguindo a vontade de Minerva e o conceito do próprio Gemma, Sting passou a ser o novo mestre e descobriu que Lector foi salvo, mas só o recuperará caso vença a FT. E vê-los na frente e Rufus derrotado, deixou o Dragonslayer em desespero. A frase dele agora quando não viram Natsu deixa tudo mais claro.

Segundo capítulo focado só na Legião dos Lobos, os Executores, gostei dos poderes dos personagens e dos confrontos armados, só espero que Mashima mantenha os capítulos alternados entre a batalha ali e o torneio, e o nome do próximo capítulo não nos dá nenhuma pista. Maldito seja o mangaká.

O destaque para Oosuke foi ótimo. Realmente o mais longe de ser um cavaleiro, com um cara sem expressão como o mangaká fez questão de mostrar em dois quadros iguais com supostas reações diferentes, parece ser bem cruel pela cara e principalmente o estado de Arcadias.

Wendy vai ter de cortar um dobrado para vencer Cosmos, a garota das plantas que já teve duas oportunidades para matá-las, mas Mira e Panterlily já na sua forma de guerra – como senti falta disso – a salvaram. E agora?

A história da princesa continua um paradoxo, se ela deseja salvar a todos, por que lançar a FT no calabouço, para que vençam os Executores e salvem Arcadias? Parece ser a única resposta.

Vejo boas lutas vindo de Kamika e Mira e dos boss x Natsu.  Pelo nome do próximo capítulo neutro pode ser a luta de Natsu venha primeiro, ou mudemos de foco. Como disse é impossível ter certeza.

Toriko (referente aos capítulos 211 e 212): O festival de culinária surge agora como uma competição entre os 100 chefes do mês. E meu primeiro questionamento é: o Bishokukai raptou vários chefes, incluindo Take e nada sobre isso foi mencionado até hoje e no festival, não é estranho. Eles deixaram clones dos chefs com sua tecnologia ou o pessoal não sentiria falta por ter infinitos chefes como foi mostrado durante o ataque da Besta Mor e a Chuva Verde com todos fazendo o mochi medicinal.

O capítulo gasta com os fanboy dentro do universo agradecendo os Quatro Reis Celestiais e Komatsu por os salvarem das Bestas. E segue com outros tantos personagens chegando para o torneio entre Saiseyas, Cavaleiros Gourmets, Bishokuyas e o G7. Todos reunidos para a competição quando…

… o Bishokukai parece se preparar para um grande ataque e temos ali Starjun, Chiyo, Tommyrod – que está vivo depois daquela sova e o Grinpath entre os que consegui identificar. Coisa boa virá disso tudo. Mesmo com o esquecimento do caso que falei acima.

E no capítulo seguinte temos só dados e apresentação dos infinitos personagens que podem se destacar no festival ou não? Ou não devido ao fato do final do capítulo passado com a possível interferência no evento. E tem tanto chefe mesmo que os raptados não parecem fazer falta mesmo.

Silver Spoon (referente aos capítulos 52 e 53):  O primeiro capítulo de dupla funcionou muito melhor que o 51. Teve Hachiken chamando Mikage para um encontro, seus amigos explicando o que deveriam fazer e abrindo os olhos da amazona para os sentimentos do protagonista. Deixando-a louca após uma noite de sono.

Fora isso os dois preocupados com o festival e Hachiken feliz por ter encontrado uma motivação de aproveitar o mesmo depois te tanto trabalho, só que seu corpo não pensou assim e ele tomba isolado com o Vice Presidente.

Já o segundo capítulo foi morno. Mostrou que o pessoal do colégio Yezo dependia mais de Hachiken do que parecia e tinham que quebrar um dobrado para fazê-lo acontecer já que o garoto estava internado.

Desesperado, só que sem ação Hachiken fica triste por MIkage não ter visitado e quando vai ao banheiro encontra um de seus pesadelos: seu pai.

Até a próxima sessão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s