Agressivos, Comida

POR ROBERT R.R. NUTRICIONISTA

Trazendo “Agressivos” de volta e com esta bela imagem para ilustrar bem o significado da sessão. É essa ação que você deve fazer ao ver certas coisas, como a imagem que vou mostrar no final desta pequena e singela matéria. Do que se trata a matéria? Continue lendo.É sabido que de uns tempos para cá, o culto e a busca pelo corpo perfeito aumentou de maneira avassaladora. Para alcançar tal objetivo, as pessoas vão procurar academias de ginástica, dança, musculação, etc. Jogam um futebolzinho (ou racha, como dizem) no fim de semana para dar uma queimada nos excessos da semana (mas depois do jogo, se saboreiam com um suculento churrasco e refrescantes caixas de cerveja, mas tudo bem). E aliado a isso, procuram comer só o que é saudável: verduras, legumes, frutas e por aí vai. Mas a maioria só procura mesmo. Continuam a se empanturrar de doces, refrigerantes, salgados, massas e tudo o que mais vier. É bom, eu sei e não estou aqui para dar dicas e truques para manter sua dieta em dia. Para isso, assista o programa Bem-Estar. Bem-estar é o que eu acho que você não vai sentir ao ver a maneira que este casal compartilha um alimento saudável.Que casal bonito, não? Veja a elegância, a naturalidade, a alegria com que saboreiam uma banana. Isso é o amor! Ah, o amor da meia-idade, tão sem noção quanto o juvenil.

Mas não ainda não é sobre isso que quero falar.

Quero que imagine a seguinte cena: você foi convidado por algum parente ou amigo para almoçar na casa dele cujo prato principal é uma macarronada. Certo? Tudo bem até aqui? Nada demais, né? Você quer manter a boa forma mas acha que uma macarronada não vai fazer tão mal assim. Você adentra a residência do indivíduo e dá de cara com a cena no final deste post e diz a você para se servir e ficar à vontade. Me diga o que você faria? Eu arrancaria meus olhos, tipo o que nosso amigo Mickey está fazendo no início desta matéria. Como seria possível você se servir…assim…desse jeito? E vamos a imagem porque como dizem: “Uma imagem vale mais que mil palavras!”Nesse caso, não há palavras que descreva a “exoticidade” da cena. Só pra constar, isso é do Japão. Apesar de gostar de muitas coisas da cultura japonesa, algumas são aterradoras, como o exemplo acima. Enfim, isto é bizarro…

Isto é AGRESSIVO!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s