O quem vem do sangue retorna do sangue

POR LEONARDO “SILVERBOLT”” DIAS

True Blood chegou ao final de 5ª temporada, entre altos e baixos, a meu ver a série cumpriu o seu papel de nos entreter e o season finale foi a mais movimentado já que normalmente a história da temporada terminava ou no episódio 11 ou no primeiro ato do 12, agora não a história foi até o último minuto deixando gancho para o próximo ano, numa vibe que alguns estão chamando de “The Killing” se é que me entendem.

Com spoilers

A trama na AVL foi a principal do episódio. Tivemos Bill, agora o vilão definitivo que matou um dos membros do conselho que restava, e depois enganou Salomé lhe dando sangue misturado com prata. Nem mesmo a intervenção de Sookie e Eric foi suficiente para mudar o pensamento de Compton, que tomou o sangue de Lilith, se dissolveu em sangue e voltou como o provável vilão da 6ª temporada.

 

A transformação de mocinho a vilão é por isso que só teço elogios a True Blood independente dos caminhos tomados pelo roteiro. Vê se outra série de vampiros arriscaria assim hoje. Normal seria o contrário o vilão que se torna aliado como em Angel.

Eric e Nora saíram da AVL e aprontaram todas, a irmã de Eric finalmente viu Godric e seus erros. E fugiu a princípio do Movimento Sanguinista liderado até então por Salomé. Eric conseguiu capturar Russel, depois do mesmo sugar a fada anciã que falou falou e não disse nada a Sookie sobre Warlow, o vampiro que tem direto sobre a meia-fada protagonista da história, que ficou apagada nos dois capítulos, assim como na temporada como um todo.

Eric mata Russel e regozija após completar sua vingança, salva todas as  fadas inúteis contra o vampiro de 3 mil anos e depois de impedir que Nora consumisse o sangue doce das fadas. Reúne-se com Tara, Jason e Sookie para invadir a AVL num banho de sangue.

Falando na equipe. Jason ficou pior do nunca agora que foi atingido durante a batalha de Russel e a fada anciã, tendo alucinações permanentes com os pais e um ódio pelos vampiros redobrado, que o fez realizar “talvez”  o maior banho de sangue da série. Matar vampiros com balas de prata e madeira parece ser tão fácil, e como se os vampiros nem corressem como o Flash.

Falando em Flash e outros super-heróis, que Eric e Nora mataram outros soldados com suas habilidades de velocidade e voo somadas.

Além disso, teve a trama rápida sobre o General ameaçando os vampiros com um vídeo onde Steve e Russel matam as pessoas na fraternidade e afirmando que tinha um arsenal contra vampiros, essa parte da trama pós-morte do general nas mãos de Eric foi pouco explorada nessa temporada, quem sabe na próxima.

Tara se rendeu a Pam agora, um casal improvável que nem deu sinal de que seria casal até a fala de Jessica e o beijo das duas. Jessica que ficou isolada pós-tabefe de Bill e rejeição de Jason. Que merecia morrer só por falar não para “essa” ruiva.

Sam e Luna conseguiram resgatar Emma, com a mesma se transformando em Steve Newlin, um dos poucos vampiros sobreviventes do Conselho nessa temporada. A última delas foi explodida por Sam que na forma de mosca entrou no corpo dela e depois voltou à forma humana. Luna forçou a barra e desmaiou com o final indefinido.

Alcide e seu pai passaram a serem personagens funcionais nos minutos finais da série, primeiro matando vampiros numa vibe meio Jogos Vorazes. E depois com Alcide aceitando que precisava de V para vencer, quer dizer matar JD e assumir a matilha como líder.

Reunindo que restou e resolveu aparecer na série temos Lafayette, Arlene, Andy, Holly e Maurella além de uma figurante durante o parto de quadrigêmeos da fada que transou com Andy e agora lhe entregou sua luz. O engraçado são os detalhes, ela parecia estar tendo orgasmo e não filhos, sofrendo como é normal, sem sangue, sem cordão umbilical, perdendo a barriga de imediato e brincando quando diz que aprendeu a fazer isso – deve ser pelo prazer – afinal ele já teve 73 gestações até agora.

 

Parece que é isso. Até a próxima temporada, diferentes de muitos que escrevem review de TB eu tenho certeza que estarei de volta, no meu tempo, mas estarei aqui.

Continua com as matérias de outras séries

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s