Contra a corrente

POR LEONARDO “SILVERBOLT” DIAS

Damages está um pouco à frente, eu para variar atrasado. Mas para comentar das séries que estava escrevendo vou fazer um apanhado dos episódios 5×04-5×05 e deixarei os próximos para frente.

Esses episódios mantiveram a narrativa só no presente. Focado no embate das protagonistas e nos revelando novas informações do caso da Princefield, aquelas que o Samurai Sete dizia ter, além de saber sobre o passado de Channing McClaren.

Com spoilers.

 

Damages – 5×04 e 5×05 – I Love You, Mommy e There´s Something Wrong With Me

Lembrando que o roteiro da série que brilhava nas três primeiras temporadas agora parece cometer pequenas falhas, como o caso de Ellen estar desesperada por perder dinheiro, e nesses episódios ela arrisca meio milhão pelas informações de Samurai Sete e no final, alguém provavelmente Herreshoff, o presidente da Princefield acaba matando o informante antes que ele entregue e Ellen precisa se desdobrar para arrumar um jeito de tirar as informações judicialmente de Patty.

Mas a mestra já tinha manipulado o funcionário que investiga as fraudes na Princefield entregar uma gravação que confirma uma relação de Herreshoff e Naomi Walling, o que tiraria automaticamente Channing do processo e daria a vitória a Ellen. Isso serve para confirmar os motivos dos e-mails da funcionária vazar e talvez do seu suposto suicídio.

Uma trama que avançou é mostrando que o elo entre Karen e Patty é o responsável pela causa que no passado colocou uma contra a outra, deu a se entender que ele pode ser o pai de Patty, que a abandonou, a tornando a mãe e a avó azeda que é hoje.

Conhecemos também o filho de Channing que tem uma doença ainda não diagnosticada, e deixa uma pista para dizer que o hacker não seja normal e não consiga criar vínculos e seu humor adverso venha da mesma doença.

Se parar para pensar, foi do embate, a batalha já foi vencida por Ellen. Só que Patty usou as artimanhas de sempre para desvirtuar os resultados.

O mistério da morte de Ellen no futuro ficou esquecido. E alguns personagens mais suspeitos como John nem receberam destaque nesses últimos atos.

Temos o retorno de Michael que dá uma entrevista falando da incapacidade de Patty como mãe ajudando Ellen e exigindo que ela se mantenha como única testemunha no caso da guarda de Catherine quando o caso contra Channing terminar.

 E a entrada de um personagem técnico de informática – Jake – no escritório que só serviu aos propósitos de recuperar a mensagem deixada por Samurai Sete para Patty e foi esquecido já no episódio 5×05.

 

E tramas sem propósito como a da mãe de Ellen que saiu de casa pelos atos de violência do marido, no que isso acrescenta a uma série em sua temporada final, que só tem 10 episódios para explorar tudo, nada isso mesmo que pensou.

 Até a próxima sessão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s