As múltiplas mensagens deixadas pelas chamas

POR LEONARDO “SILVERBOLT” DIAS

Novo capítulo de OP de alto nível, esta saga está se provando muito boa até agora superando de longe a última. KHR e Bleach também tiveram capítulos preparatórios, mas muito melhores que a luta que continua em Naruto ou as piadas de Beel.

Com spoilers dos capítulos mais recentes da issue 18.

One Piece (referente ao capítulo 662): O quanto Law pode ser apelão, agora ele provou isso na luta com Smoker.  Com Tashigi derrotada, ela pede pelo golpe final e o Shichibukai fala “Que fracos não podem escolher o seu caminho para a morte”, pronto à capitã não tem mais o que falar depois disso e começa a bater em retirada junto aos marinheiros para escapar do efeito do Room.

Smoker tenta pegar Law com uma pedra do mar, mas Law consegue reverter à luta ao seu favor e literalmente arranca o coração de Smoker como um bloco, mostrando sua superioridade e deixando o vice-almirante ali caído.

 

Ruffy ruma para o lado gelado da ilha agora com sua tripulação sendo guiada por Barba Marrom. A criatura de gás que serve a Law reclama das escolhas do Shichibukai, e que o desaparecimento de Smoker não passará batido da marinha.

A harpia Mone que parece servir a Law e ao homem de gás revela que os invasores que derrotaram o dragão de Vegapunk – a confirmação que era uma máquina/criatura do famoso cientista – e os centauros são os Mugiwaras.

Smoker na batalha tenta tirar de Law o que ele trama nesta ilha, e o mesmo questiona sobre os motivos que trouxeram a Marinha até ali, quando os dois escutam nada mais nada menos que Ruffy.

 

E agora o que Law irá fazer com os Mugiwaras. Haverá luta, ele tentará enganar o ingênuo capitão do chapéu de palha. E Smoker passará batido de Ruffy, o atacará mesmo sem forças e coração. Cada capítulo dessa saga deixa a gente cheio de perguntas e doido pelo próximo. Que quarta-feira que vem chegue logo.

KHR (referente ao capítulo 379): A Vindice fez um estrago na luta se parar para pensar Tsuna e o time Reborn foi o que saiu melhor, Mukuro realmente foi pego desprevenido, mas conseguiu proteger o relógio assim como Xanxus, só que o estado dos dois é crítico.

Pior que eles só Iemetsu que deve um ferimento grave no abdômen para proteger Nana e acabou tendo seu relógio destruído, com isso a batalha agora só tem 4 times e fora de forma para as lutas que virão.

A Vindice foge a aproximação dos Arcobalenos parecendo que os teme por algum motivo, sabemos agora com comprovação que eles são épicos, mas o medo deles parecia ir, além disso. Não uma simples estratégia de fuga.

 

Os 3 times mal tem tempo de descansar e Reborn vai falar que conseguiu alguém para o seu time, junto com Squalo que voltou a competição pegando um dos relógios reservas quando já começa o round 3 na virada do dia.

A Vindice continua com a vantagem de números e de forças. Resta saber como se dará este round. Mammon, Verde e Reborn vão se unir, mesmo com o ódio entre eles, para tentar superar Bermuda e seus golpes baixos.

Bleach (referente ao capítulo 486): Mesmo sendo o segundo capítulo mais lento só perdendo para o primeiro da saga, o capítulo trouxe bons momentos, diálogos, novos personagens e preparação de terreno para os próximos.

Primeiro temos a checada de Peche, já que Dondochaka foi sequestrado pelo invasor do Hueco Mundo, segundo o fracion de Nel, depois da batalha contra Aizen e da morte de Stark e Barragan era Halibel que tomava conta do Hueco Mundo, mas a Espada foi sequestrada juntamente com outros Arrancars, incluindo o outro fracion de Nel mencionado acima.

Na Soul Society ficamos sabendo que Sasakibe já tinha Bankai antes mesmo de Shinsui e Ukitake, mas que manteve a promessa de nunca usá-la e de não assumir o posto de capitão, mesmo que houvesse vaga ou fosse temporário. Ele serviria como vice-capitão de Yamamoto até morte do General, o que nunca aconteceria, pelo menos até a aparição do Rei Barbudo.

 

Sasakibe morreu ao utilizar sua Bankai pela primeira vez devido à tecnologia dos discos que é explorada na conversa entre o novo personagem – provavelmente um dos mascarados invasores da Soul Society – e o Rei Barbudo (queria saber o seu nome para ficar tudo mais fácil).

O disco realmente parece anular ou capturar Bankai, só não conseguiu completar o processo com o misterioso Kurosaki Ichigo e sua descendência desconhecida que quase foi revelada por Aizen há tempos atrás.

Ichida na conversa inicial fala que não irá acompanhar o trio formado por Ichigo, Inoeu e Chad para o Hueco Mundo, mas talvez o fato dos inimigos utilizarem artefatos Quincy o coloque na dinâmica, e parece que a mesma acontecerá logo já que Uharara já está preparando o portal de acesso.

O Rei menciona a Iacto Arme – um grupo de caça do Hueco Mundo – para capturar algumas pessoas sem matá-las, este é o chamariz da saga, o sequestro de alguém já tivemos de Rukia, depois Inoeu, depois das memórias de todos por Tsukichima.

Como disse gostei do desenvolvimento e fico na espera de ação no próximo.

Naruto (referente ao capítulo 580): Continuo não gostando de como está se desenvolvendo esta luta, tudo muito lento. O Golpe inicial do Modo Sennin de Kabutomaru que confude os sentidos, menos os dele protegido pelas córneas de cobra.

Aí o Kabuto começa a mostrar a burrice do vilão, ele vai devorar pelo tamanho da boca o Itachi indefeso quando lembra por um instante que o mesmo pode sentir o seu chakra e no instante seguinte que aquilo era mentira. Só pode estar de sacanagem.

Seguido disso o efeito do jutsu acaba do nada a meu ver e eles começam aquela conversa longa no meio da batalha, que tinha muito em Dragon Ball e só atrapalha o desenvolvimento, não tem nada de relevante de fato.

Tirando um coelho da cartola os Uchihas começam a se lembrar da caçada a um porco gigante, conseguem pegar Kabuto que ataca um clone/ilusão de Itachi e perde um chifre.

Os irmãos parecem satisfeitos com aquilo, eu não entendi o porquê disso ser tão importante a ponto de pensar que estão no caminho da vitória pela expressão ao final do capítulo.

 

 

Beelzebub (referente ao capítulo 150): Outro capítulo só com a viagem e comédia, e as piadas passando para o português nem funcionam, como algumas funcionaram.

Oga e Hilda não intimados a ir com Aoi em seu encontro com Aiba. Enquanto o líder do colégio rival não quer saber de se vingar de Ishiyama que derrotou o seu Tohoushinki e passeando pela praia encontra Koma – que havia sido levado pela descarga por ação de Aoi.

O grupo continua o seu passeio com as piadas do “chura” que como eu disse não funcionam na tradução, enquanto as Red Tails perseguem o trio Oga, Hilda e Kunieda com medo da reação de sua ex-líder ao mais forte do colégio.

Hilda só os acompanha por acha que Aiba poderia dar um bom servo para Beel.  Quando Aiba aparece ele soca Oga por não decidir entre as duas e abre a caixa de Pandora do mangá, fazendo com que Kunieda acerte seu “amado” também.

Depois nova sequência de piadas no aquário com plâncton – a comida dos tubarões-baleias e a burrice dos alunos de Ishiyama, pelo menos esta funcionou na tradução.

E no final quando achamos que Oga vai dar o fora em Kunieda ele só a chama para comer e parar com o passeio, digno do protagonista.

Acho que esse arco deveria ser curto e o mangá mostrar para onde caminha logo. Beelzebub tem chance de crescer, mas depende do desenvolvimento do seu mangaká.

Até a próxima sessão

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s