Acumulando créditos

POR LEONARDO “SILVERBOLT” DIAS

Hoje devido ao meu atraso, nem vou estender na introdução, esta matéria cobre três capítulos de cada um dos seguintes mangás: Fairy Tail, Toriko e Bakuman.

No caso de Fairy Tail alcança até o último publicado, Toriko está com atraso de um que ainda nem saiu em inglês – até minha última pesquisa, e Bakuman tem dois, que ficarão para a próxima.

Magico e os outros virão numa próxima matéria.

Lembrando que se ainda não leu haverá spoilers.


Fairy Tail (referente aos capítulos 269 a 271): No geral achei que o capítulo 269 enrolou um pouco antes de chegar aos finalmente, mas o Hidden parece ser promissor e gerar tanto batalhas, quanto grandes estratégias dos participantes, em sua maior parte desconhecidos dos leitores do mangá.

Outra coisa que me lembrou o Hidden de certa forma foi o modo multiplayer de Assassin´s Creed, onde você é destinado a matar um alvo e tem vários personagens semelhantes a eles para você tentar e falhar. Mashima deve estar atualizado nos jogos de Videogames, como um bom mangaká deve ser.

Todos os personagens participantes em páginas coloridas vieram a calhar e pensar no novo arco no anime, além da aparição de Meredy e Ultear espiando Gerard disfarçado de Mystogan.

O capítulo segue com um resumo da competição feita pelo Mestre Marvis, piadas com o apresentador com cara de abóbora e aí sim depois de 10 páginas uma cidade é criada com magias para os jogos, jogadores inseridos dentro dela e milhares de cópias de cada vão aparecendo.

Acertar ou abraçar uma cópia como Juvia fez com um entre as centenas de Gray faz com que o competidor perca um ponto, acertar o alvo real ganha um ponto, o maior pontuador vencer o jogo e sucessivamente vão se distribuindo os valores da partida até o último lugar que não ganha nada.

Até o momento Juvia perdeu 1pt. e Gray 2, porque foi enganado duas vezes por Narupuding – toda vez que veja esse nome fico pensando de onde saiu essa pérola – que mesmo sendo um Ogro dentro das regras alteradas desse jogo de esconde e esconde, começa vencendo e fazendo o primeiro ponto positivo do jogo.

Espero que no próximo capítulo com a dinâmica do jogo já em andamento ele seja acelerado, não que acabe rápido, mas sem excesso de explicação, a ação ganhará as páginas. Lembrando que as resenhas já estavam prontas por capítulo e resolvi deixar o parágrafo para ver isso.

Já no capítulo 270 teve o dinamismo que eu pedi e com a velocidade de Mashima, a primeira etapa do primeiro dia o Hidden já foi resolvido.

Começando com a pontuação de cada grupo que me lembrou do Battle Royale atual de KHR. Seguido das explicações para descobrir qual é o verdadeiro entre as cópias.

Enquanto os outros times vão atacando uns aos outros, com exceção da Sabertooth, que sumiu desde o início do jogo. Narupuding continua sua perseguição a Gray.

Começamos a conhecer a habilidade de alguns dos participantes, que só deverão ser melhor explicadas durante as batalhas: Beth das Marmeid Heel pode lançar cenouras – isso mesmo – Yeager dos Quatro Cercebus parece controlar plantas carnívoras.

Leon tenta se aproveitar de Gray estar perdido no jogo devido aos ataques contínuos do membro da Raven Tail quando é atacado por Juvia. Deixando os dois times com 0 pts.

Juvia explica que o Mestre Makarov propôs que o time vencedor possa dar ordens ao time perdedor por um dia, e o sonho de Juvia é um beijo de Gray por isso ela aceitou ficar contra ele nos jogos, e mesmo assim o protegeu de Leon.

Eve tenta pegar o pessoal criando neve, só que com Gray e Leon seu golpe não funciona, mesmo assim ele consegue 3pts com só ataque.

Quando menos se esperava Rufus lança um ataque em área passando das últimas para a primeira opção e ignorando os ataques de Narupuding, que finalmente muda de alvo.

O jogo acaba e o time A e B da Fairy Tail estão nas duas últimas posições conseguindo 1pt. no caso do time B e nenhum do A. Gray decepcionado se afasta, enquanto as batalhas para fechar o dia são definidas e Lucy é escolhida pela FT Time A contra Flare da Raven Tail.

Gostei do capítulo e espero seja mais próximo do 270 ao 269, Lucy vencer uma batalha demandará de muita estratégia, já que não é o forte dela. E acho que alguma coisa acabará interrompendo o torneio, espero que não porque seria um plot repetido com as Ilhas Tenrou.

De qualquer forma a Raven Tail tem uma agenda nesta batalha e ainda não sabemos que é o responsável pela Energia das Trevas durante o torneio que o Crimè Sorciere mencionava.

Gostei de ver o resultado do “treinamento” da Fairy Tail se considerarmos que a Lucy daquele time é a mais fraca, a invocação dupla, o combo de invocação, o uso do chicote que conseguiu em Edolas, tudo colocou Flare no chinelo.

Acho que mantendo Câncer ela vence tranquilamente, e mesmo vendo Asuka, parece que Lucy sentiu algo de errado, o que a colocou numa enrascada, que eu acho que a loira vai sair e mostrar que a FT pode aguentar a perseguição da Raven Tail.

E o final com o Cavaleiro e menção a Zeref, parece que o torneio vai ser interrompido de novo, espero que o tal evento só aconteça no final senão será repeteto de plot como mencionei antes.

Toriko (referente aos capítulos 174 ao 176): Toriko fez uma salada com temas típicos do mangá no capítulo 174: novo ingrediente, conexão com o encontro do Presidente e Midora, Setsuno reaparecendo com sua discípula, novas pessoas do mundo do gourmet incluindo um adivinho e um tesouro nacional. Shimabukuro conseguiu depois de dois excelentes disparos, errar o tiro a queima roupa e agora acertar novamente.

Para encontrar um ingrediente da lista de treinamento do Presidente, Toriko precisa de uma adivinhação de Monchy – o cartomante das comidas, a única que através do uso de uma comida típica das comemorações japonesas de Ano Novo pode localizar um templo onde encontrar o Tesouro Nacional que Toriko procura e ninguém sabe a localização.

Dali a história toma outro rumo e novamente a pedido do Presidente da IGO, os quatro reis celestiais se reúnem pela primeira vez no mangá para capturar da Madame Peixe, no Lago Ponte que acabara de congelar.

Toriko e Komatsu seguem para o lago e se encontram com Rin – que veio para usar suas fragrâncias para acalmar as criaturas do mar, Coco, Sunny e Zebra.

O último rei celestial que estava aprisionado desafia a todos por uma caçada pelo novo ingrediente, enquanto ficamos sabendo numa conversa entre Setsuno e o Presidente que o lado foi congelado de propósito e que aquele era um treinamento forçado preparando os quatro para a batalha contra Midora e o Bishokukai que se aproximaria devido ao surgimento de God, a comida mais procurada do Full Course Menu de Acacia.

O 175 mostrou a caçada a Madame Peixe com as habilidades de cada um, e a partir do momento que Komatsu ficou sozinho já era certo que seria ele a encontrar o local certo. Muita enrolação para o óbvio esperava mais da reunião dos quatro reis celestiais.

Que o Presidente da IGO os mande juntos numa missão de fato que demande tempo e interação entre os mesmos, e não gaste páginas só para pegar um ingrediente em dois capítulos.

A única informação de fato relevante foi ver que Zebra cumprir sua promessa a Komatsu e já tem mais ingredientes em seu Full Course Menu que o próprio Toriko.

O capítulo 176 voltou à velha forma de Toriko e mesmo sendo um ingrediente de um episódio “O vinagre do Rei” que não foi encontrado de fato no capítulo, o passeio pela ilha, aliado a criatividade de Shimabukuro e o retorno do mestre do knocking, Jirou fez com o que capítulo fluísse, espero que não demore muito com isso e uma saga de fato por um ingrediente se inicie.

O tal do Monchi com sua aparência de lutador de Luta Livre mexicana também é um personagem diferente em características físicas de todos que apareceram no universo no mangá. E ele deve ser a peça chave para a próxima saga, espero que não fique fazendo exigências eternas a Toriko e Komatsu, porque o caminho de ingredientes de um capítulo não funcionou com o mangá a primeira vez que aconteceu. Foram os piores capítulos até hoje.

Até o próximo Menu de Toriko.

Bakuman (referentes aos capítulos 164 ao 166): Definitivamente o capítulo mais esperado pelos leitores de Bakuman, foi isso que representou o 164. Sabendo que Eiji iria concorrer com eles pelo Anime de Verão fazendo os próprios names do anime para ter histórias originais, parecia certo que o gênio dos mangás e querido dos editores ganharia mais uma.

É por isso que a página dupla abaixo com Hattori falando que o anime de Reversi foi escolhido, com Saiko, Shujin e Kaya é tão representativa, agora é só saber se o sonho será completo com Miho como dubladora, para que o outro casal cumpra a sua promessa de adolescentes.

E também gostei do telefonema do editor-chefe para Eiji, explicando o porquê da sua decisão e incentivando a batalha leal entre Ashirogi Muto e Eiji pelo carro-chefe da Weekly Shonen Jump.

Parabéns Ohba e Obata por este capítulo.

O 165 também levantou as esperanças com o terreno se preparando para Azuki pegar o papel principal da Naho em Reversi e mostrando que já decorou as falas de todo o volume 1 do mangá de Ashirogi Muto. Com Hattori falando que eles podem influenciar na escolha, mas que não será 100% certo que Azuki seja a dubladora.

Tudo corria bem até que a história da colega da assistente de Ashirogi aparece num blog, falando da possível adaptação de Reversi e de seu relacionamento como Azuki. Será o primeiro passo para um novo obstáculo nesta longa jornada dos mangakás.

No capítulo 166, um assunto muito explorado no Japão que é a obsessão de certos fãs com suas dubladoras é explorada, e a simples menção de que Azuki Miho pode ser a namorada de Ashirogi Muto leva a uma cadeia de boatos, que surgem em revistas e se espalham pela internet com manifestação contra o casal.

Que explode com uma notícia na sessão de “esportes” provando o fato com fotos e fazendo ligações entre a participação de Azuki no CD Drama de PCP.

Até os próximos comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s